Arquivos

A sensualidade

970888_548650815170073_700163826_nA sensualidade
Foi servida
Na bandeja
Enfeitada
Com flores
Frutas
Sabores tantos
Perfume sutil
Regada com mel
Desprezada
Ora veja
Abandonada
Sem cores
Ficou
Coberta por mantos
Recolheu-se
Guardou-se
A sete chaves
Fechou o perfil
Silenciosamante
Partiu…
– Cau Lanza –

Poesia

7948_472916389464919_1647400504_nE é a saudade
Vagando
No fio da pele
Em cada canto
Em todo canto
Do corpo
Nos cabelos molhados
Deslizando pela nuca
Pelas costas nuas
Pela boca entreaberta
Que suspira e lembra
O roçar dos lábios
Os beijos
E o beijo
Acendendo o desejo
Escorregando
Ardendo
Sinal de explosão
Delírio insano
Vadio
Tesão
É a saudade
Lugares perdidos
Solitários
Lembranças
E eu 
Perdida
Sozinha
Na contramão….